Primavera-Verão 2013
Edição #1

Edição esgotada
Escrevi numa folha de papel o compromisso da equipa TREVL.
Quando leio a sua única frase, parece simples: “Lembrar que vale a pena sair e viajar de moto.” Mas estes não são tempos fáceis para a imprensa escrita.
O que nos leva a concretizar este projecto é a convicção de que há um espaço por preencher. Por isso, ao iniciarmos esta viagem, sonhamos que seja melhor; algo que transpire qualidade, que não subestime os nossos leitores. Para que os eternos sonhadores aos comandos de uma moto, também viajem no conforto do sofá em cada página da TREVL.
Ler é uma experiência
Cada vez mais, procuramos que cada experiência seja um entretenimento em si mesma; que nos dê algo mais. A experiência de ler a TREVL imaginámo-la diferente: algo que se liberte das suas páginas impressas. Como em viagem, as fronteiras existem para serem ultrapassadas, e esta linha invisível pode ser transposta também. Quando percorrer as páginas da TREVL encontrará pequenas sugestões. Serão de músicas para acompanhar a leitura. Ou de um vídeo que captura a vivência de um local remoto. Ou simplesmente porque há mais lá fora, na internet e no mundo, desde o artigo da Wikipédia ao blog onde
o nosso viajante convidado mantém
o registo das suas aventuras.

Referência
Queremos ser uma referência, estimada e guardada, mas acima de tudo, usada. Vejo a TREVL a viajar num saco de depósito, junto ao passaporte sujo e manuseado transbordante de carimbos.
Que cada cópia não se limite à prateleira na casa de um viajante, que mostre os sinais de leitura na avidez em que se procura aquele destino ou o conselho do viajante mais experimentado.

O caminho
Como nas viagens, iniciar a TREVL é uma aventura. Encontraremos gentes no nosso caminho que nos enriquecerá no final, e nos encoraja a continuar. A TREVL é feita de pessoas. Sem elas, nada disto faz sentido. Acreditamos que o mundo das motos é feito de gente boa, que se une na adversidade, que partilha o que aprende. E que acredita encontrar algo melhor, em cada rodar de punho na moto. Propomo-nos a falar com todos, a ouvir histórias, a rir e a temer em cada problema encontrado nas estradas. Queremos saber por onde rolam as motos dos Portugueses, como inspiram e levam a nossa bandeira.

Nova cultura
Enamorei-me desta frase porque fala muito sobre viajar de moto.
Numa perspectiva mais literal, de moto as sensações são mais intensas e os nossos sentidos aguçados. Mas também a escolhi porque a TREVL quer revelar uma cultura nova, onde a sensualidade do toque e o aroma são uma parte importante de ter uma revista na mão. “Um viajante é um optimista irremediável; de outra forma nunca partiria”, revê Paul Theroux diz que “um viajante é um optimista irremediável” e que de outra forma não partiria.
Nós também na TREVL acreditamos que vale a pena partir nesta viagem.
Publicado a 04-04-2013

"57 graus Sul",
por José Paulo Matias («Today Adventure»)
Câmaras pequenas, Grandes Resultados
Câmaras pequenas, Grandes Resultados,
por Enrique Diaz («Slow Travel»)

"Reféns",
por Carlos J. Martins («MotoXplorers»)
Soltar amarras
Soltar amarras,
por José Bragança Pinheiro («Personal Motographic»)

"Um dia com Austin e Vince",
por José Paulo Matias («Today Adventure»)
Navegação à-la Carte
Navegação à-la Carte,
por José Bragança Pinheiro («Personal Motographic»)
Como fazer um álbum de viagem
Como fazer um álbum de viagem,
por José Bragança Pinheiro («Personal Motographic»)

"Viajar grande em miniatura",
por José Paulo Matias («Today Adventure»)

"Gelo nas Veias",
por Filipe Elias («Touratech Portugal»)

"Perder um passaporte na Argélia",
por José Paulo Matias («Today Adventure»)
Espreite uma amostra online

Destinos

Estes são os principais destinos incluídos neste número. Clique para ver no mapa do mundo.
Edição esgotada
Seleccione uma das publicações abaixo para ver os conteúdos publicados.
Uma iniciativa Fast-Lane
Todos os direitos reservados 2017 © TREVL - de moto pelo Mundo
Av. Infante D. Henrique, Ed. Beira Rio, Fracção T
1950-408 Lisboa